Osmar Loss se diz satisfeito com atuação do Corinthians e elogia garotos

Posted on Posted in Notícias
Osmar Loss se diz satisfeito com atuação do Corinthians e elogia garotos | corinthians | Globoesporte

Osmar Loss se diz satisfeito com atuação do Corinthians e elogia garotos

Técnico poupou Fagner, Danilo Avelar e Gabriel no empate com o Atlético-PR

Osmar Loss se diz satisfeito com atuação do Corinthians e elogia garotos Osmar Loss se diz satisfeito com atuação do Corinthians e elogia garotos
Marcos Ribolli

Por Bruno Cassucci, São Paulo

Com um duelo contra o Colo-Colo, marcado para a próxima quarta-feira, em Santiago, pelas oitavas de final da Taça Libertadores, o técnico do Corinthians, Osmar Loss, decidiu poupar Fagner, Gabriel e Danilo Avelar no jogo deste sábado, diante do Atlético-PR, pelo Brasileirão.

Para o lugar do lateral direito, o treinador promoveu a estreia de Thiaguinho (21 anos), na esquerda optou por Carlos Augusto (19 anos) e no lugar do volante foi com Léo Santos (19 anos) improvisado. Apesar da falta de entrosamento, Loss disse ter ficado satisfeito com o desempenho da equipe no empate sem gols diante do Furacão.

– A gente sai satisfeito com o rendimento, com essa possibilidade de ver um time jovem que tem a marca do Corinthians, que tem a cara do Corinthians, porque trocamos o mesmo número de passes que nós trocávamos, finalizamos uma média muito parecida. Todos os conceitos foram muito próximos – afirmou o treinador em entrevista coletiva.

Osmar Loss analisa o empate do Corinthians com o Atlético-PR

Osmar Loss analisa o empate do Corinthians com o Atlético-PR

– Eu acho que o jogador que está no Corinthians tem que estar preparado para jogar. Foi assim com o Thiaguinho, que jogou incluisive improvisado e evoluiu dentro da partida, sentiu um pouco o peso, foi melhorando e terminou, talvez, como um dos melhores da partida. É gratificante a gente poder trabalhar com jovens que tem confiança naquilo que a gente passa – acrescentou.

Apesar dos elogios aos jovens jogadores, Loss assumiu que a falta dos laterais Fagner e Danilo Avelar fez falta para que o time obtivesse um melhor resultado diante de uma equipe que briga contra o rebaixamento.

– O Atlético-PR se portou muito bem. Não acho que tenha sido só entrosamento. Claro que quando você tem rotina facilita, e hoje nossos jogadores de lado, que têm muita importância nas triangulações, não estavam – finalizou.